todos os animais são iguais.

o homem de terno parcelado estava com uma Bíblia na mão e pregava aos trabalhadores cansados das seis horas da tarde sobre o fim do mundo. Eu carregava um livro de Orwell embaixo do sovaco e o olhava com ódio profundo: as pessoas deveriam sorrir para Deus ao invés de se curvar.

Anúncios